Brasileiro Masculino e Feminino de Vôlei Sentado inicia com sete jogos

Neste primeiro dia de competição sete jogos, sendo três partidas pela manhã e quatro no período da tarde, esquentaram as quadras demonstrando o alto nível dos jogos e a excelente capacidade técnica dos paratletas. De acordo com o regulamento da competição todas as equipes se enfrentaram e os melhores colocados se classificarão automaticamente para as finais. Dentro de quadra várias jogadoras que integra a seleção brasileira estarão em ação, dentre elas, várias medalhistas da Paralimpíadas Rio 2016.

CBVD traz duas competições nacionais de vôlei sentado para Aracaju

De acordo com o presidente da CBVD, Ângelo Alves, esta será a quarta vez que Aracaju receberá um campeonato nacional da modalidade e a segunda vez na sua gestão. “Aracaju possui um grande potencial de atletas e muitas pessoas não sabem disso, nossa intenção é fomentar o esporte dentro do estado e atrair mais praticantes para a modalidade. Além disso, o público terá a chance de assistir vários atletas da nossa seleção em ação, com as medalhista das Paralimpíadas Rio 2016”.

Brasil vence Egito por 3×0 no Desafio Internacional de Vôlei Sentado

A partida entre as duas seleções foi uma iniciativa da Confederação Brasileira de Voleibol para Deficientes (CBVD), com o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), que trouxeram o time masculino de vôlei sentado do Egito como forma de preparar e proporcionar um maior volume de jogo para as duas seleções. Todo o jogo foi transmitido ao vivo pelo Canal SportTV 3.

Seleção Feminina de Vôlei Sentado faz vivência da modalidade no Sesc Avenida Paulista

A unidade do Sesc estava fechada desde 2010 e reabriu as portas no último domingo, 29. Como forma de atrair o público para o complexo foi desenvolvida uma programação com 50 atrações culturais e esportivas para agradar os gostos de todos os visitantes. O vôlei sentado feminino foi uma das atrações que mais atraiu público durante a exibição, tanto pelas presença das medalhistas paralímpicas como pela beleza da modalidade.

CBVD aprova contas exercício 2017 em Assembleia Geral nesta sexta 27 de abril

Satisfeito com o engajamento de todos os presentes, o presidente da CBVD, Ângelo Alves, se mostrou feliz com o reconhecimento dos filiados e atletas com a entidade. “Fico feliz que toda a pauta apresentada foi aprovada, isso mostra que o nosso trabalho está sendo reconhecido por representantes da modalidade de todas as partes do Brasil”.

Brasileiro apita decisão de 3° lugar em competição no Irã

Ao todo, o Brasil possui seis árbitros credenciados internacionalmente para atuar nas grandes competições. Os árbitros André Calado e Vanessa Redes também mostraram toda a competência dos brasileiros no Campeonato Mundial Classificatório de Voleibol Sentado, realizado de 27 de março a 1º de abril na cidade de Jeju, na Coreia do Norte.

Professores de educação física acompanham treino das seleções de vôlei sentado

Para interagir com os visitantes, a comissão técnica da Confederação Brasileira de Voleibol para deficientes (CBVD) convidou os profissionais da área para uma partida de voleibol ao lado dos atletas da seleção. Na oportunidade foram esclarecidas algumas regras e técnicas para que os professores compartilhem com seus alunos.

Meninas do Vôlei Sentado Brasil passam por testes físicos no NAR

O coordenador de seleções da Confederação Brasileira de Voleibol para Deficientes (CBVD), Marcelo Haichi, e o preparador físico da seleção feminina, Alexandre Reis, acompanharam as atletas durante toda a avaliação. Assim que os dados forem disponibilizados a CBVD, a comissão técnica irá analisar os resultados e elaborar uma planilha de treinamento individualizado.

Copyright Confederação Brasileira de Voley para Deficiente. Desenvolvido por Softeam