O LIMITE PODE SER QUEBRADO, BASTA PERSISTIR

Nossa História

A Confederação Brasileira de Voleibol para Deficientes (CBVD) é uma associação privada sem fins lucrativos (art. 44, I do Código Civil), filiada ao Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) e reconhecida pela World Paravolley (WPV) como entidade máxima de organização do voleibol para pessoas com deficiência no país.

A modalidade foi incluída nos Jogos Paralímpicos em 1980 e hoje é praticada por mais de 10 mil atletas em 75 países, sendo um esporte verdadeiramente inclusivo em que qualquer um pode participar.

O Brasil ocupa hoje posição de destaque na modalidade, tendo obtido o bronze nos Jogos Paralímpicos do Rio de Janeiro (2016) com a seleção feminina.

Confira abaixo a evolução do Brasil na modalidade:
Ano Jogos Modalidade Colocação
2008 Jogos Paralímpicos de Pequim Masculino 6º lugar
2008 Jogos Paralímpicos de Pequim Feminino -
2012 Jogos Paralímpicos de Londres Masculino 5º lugar
2012 Jogos Paralímpicos de Londres Feminino 5º lugar
2016 Jogos Paralímpicos do Rio de Janeiro Maculino 4º lugar
2016 Jogos Paralímpicos do Rio de Janeiro Feminino 3º lugar